Pages

  • Twitter
  • Facebook

10 de julho de 2008

No balanço

Um comentário:
 


Eu ficava olhando o dia passar mais devagar e tinha um relógio em cada canto da casa pra somar as horas.
Haviam tantas crianças no parque, mas de tarde eu balançava sozinha. Aproveitava o dia tão calmo pra tentar rimar versinhos sem sentido.
Eu tinha tantos a minha volta, mas no meio de tanta gente ainda me sentia só.
Apostarei em uma nova paixão e se o seu céu se fechar talvez procurará o meu, quando seus pés não favorecerem mas segurará a minha mão.
Pode parecer bobagem amar alguem tanto assim. É que quando você esta fora da situação é fácil acusar alguem de estar errado, e você só percebe quando isso se torna a sua causa.




___________________________
“O vento pode bater a porta várias vezes, só não deixe que ela se tranque, pois é ai que o escuro toma conta”.

Um comentário:

 
© 2012. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff