Pages

  • Twitter
  • Facebook

22 de março de 2010

Uma esperança sorriu em mim

Nenhum comentário:
 

Minha caixinha de músicas está sem melodias, já não dá corda.
E como uma bailarina iria dançar sem a melodia? Pois até em mente ela se perdeu.
Minhas asas estão cortadas e não lembro mais de como voar.
Me dividiram ao meio e não sei o que é melhor.
Se a flor que eu guardo em mim tivesse mil pétalas, presumo que agora teria somente uma, e essa única pétala penderia dentro de mim como um abismo sem fim.
Mas mesmo que tudo aconteça errado, não vou deixar de lutar, porque hoje o dia amanheceu mais claro e eu pude ver as milhares de cores, tudo pareceu ter uma solução e a escuridão foi expulsa, quando uma esperança sorriu em mim.

Nenhum comentário:

 
© 2012. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff